Número 2 dois Federal Reserve vê integração de mercado de títulos públicos

O vice-presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Richard Clarida / Foto: Federal Reserve

São Paulo – Os mercados de títulos públicos estão altamente sujeitos às forças globais que vão além do controle dos bancos centrais, segundo o vice-presidente do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano), Richard Clarida, afetando a maneira como a autoridade monetária tomam suas decisões.

“A integração global dos mercados de títulos soberanos tem implicações importantes não apenas para a forma como os bancos centrais extraem sinais relevantes dos juros observados em títulos emitidos pelo soberano doméstico, mas também para a forma como os bancos centrais calibram a transmissão de políticas e orientações de políticas para a economia real por meio dos juros em títulos de longo prazo que são relevantes para poupança, investimento e avaliação de ativos “, disse ele.

Em seu discurso, Clarida disse que os eventos econômicos e políticos dos Estados Unidos são um forte impulsionador dos juros dos títulos do governo em todo o mundo, mas ressaltou que os mercados norte-americanos não estão imunes a eventos estrangeiros.

“Embora eu certamente acredite que choques fundamentais e financeiros originados nos Estados Unidos se propagam por todo o sistema financeiro e provavelmente respondem por uma parte significativa das correlações de preços de ativos nos mercados globais que observamos nos dados, nas evidências – e na introspecção – sugere para mim que a causalidade pode ser e geralmente ocorre em ambos os sentidos “, afirmou.

Além de manter a taxa de juros na faixa entre zero e 0,25% ao ano para apoiar a economia e atingir suas metas de pleno emprego e estabilidade de preços, o Fed vem comprando US$ 120 bilhões em hipotecas e títulos do Tesouro em uma iniciativa que ajuda a manter os juros dos títulos de longo prazo mais baixos.

No discurso de hoje, Clarida não comentou sobre as perspectivas da política econômica e monetária.