Novos casos de covid-19 no Brasil crescem no ritmo mais intenso desde julho

241
Militares passam por avaliação de saúde e prevenção contra a Covid19 no Navio Auxiliar Pará. (Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil)

São Paulo – Os novos casos semanais de covid-19 no Brasil cresceram no ritmo mais intenso desde o final de julho, depois de terem atingido na semana passada o nível mais baixo desde meados de junho. Na maioria dos estados, porém, é possível perceber uma desaceleração na curva de novas contaminações, segundo dados divulgados pelo Ministério da Saúde.

Na semana encerrada em 19 de setembro, o número de novos casos de covid-19 somou 212.533, alta de 10,3% em relação à semana anterior, quando foram observados 192.687 casos novos – o menor número desde a semana encerrada em 13 de junho. Em termos porcentuais, foi o aumento mais intenso no número de novos casos desde a semana terminada em 25 de julho.

A pandemia ainda está em fase crescente nos estados de Goiás e do Rio Grande do Sul, onde as novas contaminações na semana terminada no último sábado tiveram alta de 33,6% e de 39,9% em relação à semana anterior.

Amazonas e Rio Grande do Norte, estados onde a curva de casos está claramente numa fase de queda, tiveram o aumento mais intenso de contaminações em termos porcentuais – de 44,2% e de 41,9%, respectivamente.

No Rio de Janeiro, estado em que a pandemia se comporta de forma mais irregular, o número de novas pessoas contaminadas aumentou 30,6% na última semana. Em São Paulo, o mais atingido pela doença, os novos casos aumentaram em 9,0%, depois de terem batido o menor nível desde meados de junho na semana anterior.