Norte-americanos totalmente vacinados estão livres do uso de máscaras

Homem usando máscara anda de bicicleta por ruas vazias após pandemia de covid-19 / Foto: ONU

São Paulo – O Centro de Controle e Prevenção de Doenças dos Estados Unidos (CDC, na sigla em inglês) divulgou novas recomendações para pessoas que completaram o ciclo de vacinação contra a covid-19 no país, suspendendo a necessidade do uso de máscara e a distância física durante atividades externas ou internas independente da quantidade de pessoas.

O maior alívio de restrições até o momento nos Estados Unidos não inclui, no entanto, o uso de transporte coletivo a exemplo de ônibus, trem e avião, e também deixa de fora alguns locais como hospitais, lares de idosos e prisões, onde o uso de máscara segue sendo recomendado.

“Se você desenvolver sintomas, deve colocar a máscara de volta e fazer o teste imediatamente”, disse a diretora do CDC, a doutora Rochelle Walensky, em declarações na Casa Branca.

O relaxamento das regras acontece em um momento no qual o número de casos de covid-19 nos Estados Unidos vem caindo e o processo de vacinação continua em curso, com a liberação da imunização para adolescentes de 12 a 15 anos nesta semana com doses da Pfizer.

De acordo com dados do CDC, 35,4% da população já concluiu o ciclo de vacinação, enquanto 46,4% já recebeu uma dose do imunizante. O presidente norte-americano, Joe Biden, estabelece como meta vacinar com pelo menos uma dose 70% da população até 4 de julho, dia da independência nos Estados Unidos.

Em abril, o CDC relaxou sua orientação para o uso de máscara, abolindo o uso da cobertura facial ao ar livre para pessoas sozinhas ou em pequenos grupos que já haviam sido totalmente imunizadas. Na ocasião, o CDC indicou que continuaria a atualizar suas recomendações à medida que o número de casos de covid-19 fosse diminuindo no país.