Negociações dos EUA com China vão continuar nas próximas semanas

O diretor do Conselho Econômico Nacional da Casa Branca, Larry Kudlow. (Foto: Gage Skidmore/Flickr)

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – As negociações comerciais entre os Estados Unidos e a China vão continuar por teleconferência na próxima semana, e podem se tornar presenciais depois disso, afirmou o assessor econômico da Casa Branca, Larry Kudlow.

Segundo ele, em entrevista à “Fox News” ontem, a delegação norte-americana teve uma conversa “bem-sucedida” com os chineses pelo telefone. “Eles concordaram com a equipe chinesa que seus representantes se reunirão por teleconferência na próxima semana ou em dez dias”, disse Kudlow.

“Se as reuniões desses representantes se concretizarem, como esperamos que sejam, e possamos ter uma renovação substantiva das negociações, então estamos planejando que a China venha para os Estados Unidos e se reúna com nossos diretores para continuar as negociações”, afirmou.

Kudlow também defendeu a estratégia do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de aplicar tarifas a produtos importados da China. “Trump está usando as tarifas para colocar mais permissão na China, sua estratégia está de fato funcionando”, disse.

Da mesma forma, o assessor da Casa Branca para o Comércio, Peter Navarro, disse ontem entrevista à “CBS” que “as tarifas estão funcionando. Elas são parte importante da estratégia para trazer os chineses para a mesa de negociações”.

Segundo ele, “foi um gesto de boa vontade que o presidente fez aos chineses” a decisão de adiar a aplicação de tarifas de 10% a produtos eletrônicos da China de 1 de setembro para 15 de dezembro, além de reduzir a lista de itens sujeitos à taxa.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com