Mudança climática deve ser considerada em política monetária, diz Daly, do Fed

Presidente da unidade do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) de São Francisco, Mary Daly. Foto: Divulgação/ Fed de São Francisco

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – A mudança climática é um risco econômico que deve ser considerado pelo Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano) ao tomar suas decisões de política monetária, disse a presidente da unidade do Fed de São Francisco, Mary Daly.

“A mudança climática é uma questão econômica que não podemos ignorar”, de acordo com Daly, em texto preparado para discurso em uma conferência do Fed sobre o tema.

“O trabalho do Federal Reserve é promover uma economia saudável e estável. Isso exige que consideremos os riscos atuais e futuros – independentemente de ter ou não influência direta sobre eles. A mudança climática é um desses riscos”, afirmou ela.

Daly ressaltou que pesquisas sugerem que o aumento do aquecimento global já começou a reduzir o crescimento médio da produção nos Estados Unidos. “E o crescimento futuro pode ser ainda mais reduzido à medida que as temperaturas aumentam”, disse.

Ainda segundo ela, embora seja necessário fazer mais pesquisas para entender claramente esses efeitos, “há poucas dúvidas de que precisamos reconhecer, examinar e preparar esses riscos para cumprir nossas responsabilidades principais”.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com