Moody´s eleva rating da Vale para Baa3

165

São Paulo – A agência de classificação de risco Moody’s elevou o rating da Vale na escala global de ‘Ba1’ para ‘Baa3, com perspectiva estável, refletindo as melhorias práticas de ESG, que aprimoraram a gestão de risco e a supervisão da governança, após o acidente na barragem de Brumadinho, reduzindo significativamente o risco de um acidente semelhante no futuro.

Para a agência, a mineradora estabeleceu um novo sistema de gestão de rejeitos, alinhado às melhores práticas internacionais, que inclui novos papéis e responsabilidades e três linhas de defesa para aumentar a segurança das operações.

Além disso, como parte da gestão das barragens, a Vale aumentou a frequência de monitoramento geológico de suas estruturas, revisou todas as barragens e emitiu declarações de segurança, construindo estruturas adicionais para reforçar a segurança quando necessário.

“As melhorias na governança corporativa também apoiam a atualização, incluindo a política de gestão de risco revisada, a criação de novas funções, incluindo o diretor de Segurança e Excelência Operacional, reportando-se ao CEO, e o diretor de Conformidade, reportando-se ao conselho de administração e comitês adicionais para apoiar a diretoria e executivos”.