Moody’s eleva nota de crédito da CSN para Ba3, de B2

Foto divulgação: Companhia Siderúrgica Nacional

São Paulo – A agência de classificação de risco Moody’s elevou a nota de crédito da Companhia Siderúrgica Nacional (CSN) de B2 para Ba3, com perspectiva estável.

Segundo a agência, a elevação do rating da CSN reflete a melhora significativa no perfil de liquidez e dívida da empresa após a conclusão do IPO da sua subsidiária, CSN Mineração, e a redução de R$ 4 bilhões em dívida bruta anunciada no início deste ano, além da perspectiva de continuidade das operações fortes em 2021.

“O rating Ba3 reflete a posição da empresa como líder na fabricação de aços planos no Brasil, com um mix de produtos favorável focado em produtos de valor agregado, e como grande produtora de minério de ferro (segundo maior exportador do Brasil)”, disse a nota Moody’s em nota.