Ministro Celso de Mello antecipa aposentadoria para 13 de outubro

171

Brasília – O ministro do Supremo Tribunal federal (STF), Celso de Mello, enviou ato formal esta sexta-feira (24) ao presidente da República, Jair Bolsonaro, informando a antecipação de sua aposentadoria, antes prevista para 1 de novembro, para 13 de outubro.

Com isso, abre-se a vaga na Corte para a primeira indicação do governo Bolsonaro ao colegiado. Mello é o decano da Corte e completa 75 anos em 1 de novembro, idade de aposentadoria obrigatória para ministros do Supremo