Minerva sobe quase 6% com possível venda de fatia da Athena

169

São Paulo – As ações da Minerva estão entre as maiores altas do Ibovespa depois que a companhia fechou um acordo que prevê a venda de uma fatia de 25% da Athena Foods, sua subsidiária, por pelo menos US$ 200 milhões, para uma sociedade de propósito não específico não identificada.

A companhia afirma que a operação poderia fortalecer a estrutura de capital da Athena e ofereceria uma oportunidade adicional de crescimento. Às 12h38 (horário de Brasília), os papéis da Minerva (BEEF3) tinham alta de 5,80%, a R$ 14,04.

O especialista em ações da Levante Investimentos, Eduardo Guimarães, prevê uma forte reação positiva para as ações da Minerva no curto prazo considerando que o acordo prevê a listagem da Athena na bolsa norte-americana Nasdaq após a conclusão da transação, destravando o valor de seus ativos, com o seu valor de mercado podendo chegar quase o mesmo do que a da Minerva.

A Minerva é avaliada em torno de R$ 6,45 bilhões, de acordo com o fechamento de ontem. A companhia tentou, sem sucesso, abrir o capital da Athena Foods na bolsa do Chile em maio de 2019.

O especialista ainda destaca que, do valor da transação, cerca de US$ 200 milhões iriam para o caixa da Minerva, que representa aproximadamente 15,5% do valor de mercado da empresa. Já outros US$ 100 milhões ficariam no caixa da Athena Foods.

“A entrada do caixa reduzirá a alavancagem da Minerva de 2,6 vezes atuais para cerca de 2,1 vezes. Além disso, há ainda o bônus de subscrição a ser exercido do fundo soberano da Arábia Saudita, Salic (que detém 25% da Minerva), de R$ 400 milhões, reduzindo ainda mais a alavancagem para cerca de 1,8 vezes, abrindo espaço para distribuição de dividendos mais robustos”, afirmou Guimarães, em relatório.