May quer acordo do Brexit o mais rápido possível

São Paulo – A primeira-ministra britânica, Theresa May, afirmou que vai fazer um discurso na Câmara dos Comuns pedindo aos parlamentares do Reino Unido mais celeridade para chegar a um acordo do Brexit – processo de saída do Reino Unido da União Europeia -, um dia após o Conselho Europeu ter concedido um adiamento de seis meses para o pleito.

“Devemos acelerar o passo para chegar a um acordo que seja de interesse nacional. Para isso, vou proferir um discurso na Câmara dos Comuns, e vou continuar as negociações com a oposição”, disse ontem, após a decisão do Conselho Europeu.

Ainda segundo May, a decisão mais importante de ontem, tomada pelos líderes europeus, foi a de que esse prazo pode ser terminado assim que o governo britânico chegar a um acordo. Para May, isso possibilita que o parlamento britânico aprove dentro de três semanas, e evite participar das eleições parlamentares europeias.

“Eles concordaram que a extensão pode ser terminada assim que tivermos um acordo, o que foi meu pedido mais importante. Isso significa que se passarmos um acordo nas três primeiras semanas de maio, não teremos que participar das eleições parlamentares europeias, e sairíamos do bloco oficialmente no dia 1 de junho”.

Em discurso na noite de ontem, o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, afirmou que seis meses pode ser um período suficiente para o governo chegar a uma solução, ao mesmo tempo em que pode pedir a revogação do artigo 50 – que prevê a saída do bloco europeu -, e continuar na União Europeia.

Carolina Pulice / Agência CMA

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com