Itens não recorrentes impacta e lucro da Gerdau soma R$ 289 mi no 3T19

158

Por Wilian Miron

São Paulo – A Gerdau teve lucro líquido de R$ 289 milhões no terceiro trimestre deste ano, queda de 63,5% em comparação com os R$ 791 milhões reportados em igual período do ano passado. Segundo a companhia, o resultado foi impactado por itens não recorrentes no trimestre.

A receita líquida da empresa no terceiro trimestre de 2019 foi de R$ 9,931 bilhões, recuo de 22,6% ante o mesmo intervalo de 2018.

O ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) ajustado da companhia no período foi de R$ 1,457 bilhão, queda de 27,6% em base anual de comparação.

DADOS OPERACIONAIS

A produção de aço bruto da Gerdau no terceiro trimestre teve uma queda de 31,1% quando comparada à do mesmo trimestre de 2018, devido aos desinvestimentos, passando para 2,733 milhões de toneladas.

As vendas de aço acompanharam esse ritmo e sofreram uma retração de 17,1%, para 3,056 milhões de toneladas.

No trimestre, foram comercializadas para terceiros 707 mil toneladas de minério de ferro e 720 mil toneladas foram utilizadas para consumo interno. 

O menor consumo interno de minério de ferro no período, comparado ao mesmo período do ano passado (1,115 mil toneladas) e ao segundo trimestre deste ano (1,124 mil toneladas), foi em função da menor produção de aço bruto no período, pela parada programada de manutenção do Alto-forno 1, em Ouro Branco (MG).