Hospitalizações pelo novo coronavírus nos EUA batem recordes diários por 10 dias

112
Médica com máscara durante pandemia do novo coronavírus / Foto: União Europeia (UE)

São Paulo – O número hospitalizações devido à covid-19 nos Estados Unidos alcançou um novo recorde, passando de 80 mil, e vem reportando máximas diárias desde o dia 10 de novembro, enquanto os casos da doença seguem avançando no país e se aproximam de 190 mil por dia.

As hospitalizações por covid-19 alcançaram 80.698, de acordo com dados do Projeto Rastreamento Covid – um esforço colaborativo executado por voluntários para rastrear a pandemia em andamento nos Estados Unidos.

Antes de 10 de novembro, quando as hospitalizações somaram 61.964, o recorde anterior havia sido em 15 de abril, com 59.924 pessoas hospitalizadas. Os dados mostram ainda que há 15.573 paciente atualmente internados em unidades de terapia intensivas (UTIs) e 3 4.859 pessoas em respiradores.

Segundo dados compilados pela Universidade Johns Hopkins, o país registrou nas últimas 24 horas o recorde de 187.833 novos casos de covid-19, depois de ter reportado 170.161 infecções no dia anterior.

No total, os Estados Unidos – país que possui o maior número de infecções e de mortes no mundo – têm 11.720.318 pessoas contaminas pelo novo coronavírus e 252.564 óbitos ligados à doença, alta de 2.015 em 24 horas, níveis não vistos desde maio, e depois do avanço de 1.848 um dia antes.

O Texas é o estado com o mais número de casos nos Estados Unidos, e reportou 1.105.009 contaminações até o momento, seguido pela Califórnia, com 1.079.685, e pela Flórida, com 914.333.