Governo britânico apresenta unilateralmente regras financeiras pós-Brexit

126
Foto : União Europeia

São Paulo – O governo britânico está definindo unilateralmente as regras para permitir que as empresas de serviços financeiros da União Europeia (UE) operem no Reino Unido após o término do período de transição do Brexit, em 31 de dezembro deste ano.

As regras, segundo ministro das Finanças britânico, Rishi Sunak, serão publicadas pelo governo. “Está claro agora que há muitas áreas nos quais a UE não está preparada para nem mesmo avaliar o acesso às empresas britânicas”, afirmou ele durante audiência no parlamento.

Apesar do impasse sobre essa e outras questões após o período de transição, Sunak reafirmou o desejo dos britânicos de ter uma relação construtiva com a UE.

“É claro que sempre desejaremos uma relação construtiva e engajada com a União Europeia. Mas depois de quatro anos acho que é hora de avançarmos como país e fazermos o que é certo para o Reino Unido para fornecer certeza e estabilidade à indústria e cumprir nossa meta de mercados abertos e bem regulamentados”, acrescentou.