Governo Biden vai suspender declaração de emergência contra covid-19

3052
Congresso dos Estados Unidos, em Washington. Foto: Divulgação/ Casa Branca

São Paulo – A Casa Branca emitiu uma declaração de que a emergência nacional contra a covid-19 e a emergência de saúde pública estão atualmente programadas para expirar em 1º de março e 11 de abril, e deve prorrogar o prazo somente até o dia 11 de maio.

“O plano da Administração é estender as declarações de emergência até 11 de maio e, em seguida, encerrar ambas as emergências nessa data”, informou o Escritório de Gestão e Orçamento (OMB, na sigla em inglês) na nota. “O encerramento se alinharia com os compromissos anteriores da administração de dar pelo menos 60 dias de antecedência antes da suspensão [das medidas de emergência].”

A partir da declaração de emergência sanitária, o governo federal tem financiado vacinas contra a covid-19, além de alguns testes e tratamentos. Quando terminar, os custos serão transferidos para seguros privados e planos de saúde do governo, segundo a nota.

A pandemia de covid-19 foi declarada emergência nacional no início do surto pelo então presidente Donald Trump no dia 13 de março de 2020. O presidente Joe Biden estendeu repetidamente as declarações de emergência desde então.