FMI passa a prever contração de 9,1% para PIB 2020 do Brasil

186

São Paulo – A economia brasileira deve encolher 9,1% este ano com o agravamento dos efeitos da pandemia do novo coronavírus, de acordo com o Fundo Monetário Internacional (FMI), que previa em abril uma queda de 5,3% do Produto Interno Bruto (PIB) no país. No ano passado, o Brasil cresceu 1,1%.

Em 2021, no entanto, deve haver uma recuperação mais sólida, com crescimento de 3,6% ante expansão de 2,9% projetados em abril No relatório, o Fundo não traz detalhes sobre a performance da economia brasileira em meio à pandemia, mas destaca que o Brasil está entre os países que mais sofrerão com os efeitos da crise na América Latina.