Fleury mostra apetite para aquisições e fusões em vários segmentos

São Paulo – O grupo Fleury segue com apetite para aquisições e fusões no mercado de medicina diagnóstica ou em outros mercados
relacionados, com o objetivo de aumentar sua área de atuação, rentabilidade e crescimento na oferta de novos serviços.

“Continuamos sim com bastante apetite para o mercado diagnóstico e olhando mercados adicionais. Há espaço relevante no País onde ainda não temos presença e existem oportunidade pontuais em algumas praças onde podemos aumentar a presença. Temos um time interno com pipeline robusto e aumentamos a capacidade de análise de operações e conduções dos processos”, disse o diretor de finanças e relações com investidores do Fleury, Fernando Rodrigues Leão Filho, em teleconferência com analistas sobre o balanço do primeiro trimestre.

O diretor afirmou que as aquisições também podem ajudar a melhorar margens, já que buscam sinergia com a grande rede de laboratórios que já possuem e com a plataforma de oferta de serviços, buscando as operações ainda como forma de alavancar o crescimento de novos serviços.

Segundo a Leão, o fato de a empresa estar com bom nível de geração de caixa e alavancagem e endividamento confortáveis também permite que se mantenham abertos a oportunidades de aquisições.

“Olhamos sempre todas as oportunidades, estamos olhando esse ciclo da medicina diagnóstica, mas também startups, outras áreas. Porém, fusões e aquisições maiores também estão na mesa”, reiterou a presidente do grupo, Jeana Tsutsui.

Tsutsui ainda destacou que o setor de saúde está se valorizando em meio à pandemia de coronavírus, já que apesar da piora da economia e de um aumento do desemprego, houve crescimento no número de beneficiários na saúde complementar, com mais pessoas tendo acesso às marcas da empresa.