EUA registram queda de 34,5% nos casos de covid-19 em 24 horas

Trabalhadora de mercearia usando máscara e luvas durante a pandemia do novo coronavírus em Bruxelas / Foto: União Europeia (UE)

São Paulo – Os Estados Unidos registraram 34.641 novos casos de covid-19 em 24 horas, uma queda de 34,5% com relação ao dia anterior, quando o país reportou 52.957 infecções pelo novo coronavírus, de acordo com os dados mais recentes do Centro de Prevenção e Controle de Doenças (CDC, na sigla em inglês), divulgados ontem.

O número de mortes diárias por covid-19 no país foi de 294, uma queda de 53,3% em relação às 24 horas anteriores, quando 630 pessoas morreram da doença.

Considerando a média móvel de sete dias de novos casos de covid-19 nos Estados Unidos, houve queda de 4,8% na comparação com o dia anterior, para 54.405. A média móvel de mortes caiu 1,3%, para 661.

As novas hospitalizações por covid-19 nos Estados Unidos somaram 3.936, segundo dados de 24 de abril, uma queda de 20,7% ante as 4.966 internações do dia anterior. Considerando a média móvel de sete dias, as admissões diárias em hospitais totalizam 5.107, uma queda de 9,1% em relação aos sete dias anteriores. O pico de internações no país aconteceu em 5 de janeiro deste ano, com 17.988 admissões em um dia.

No total, os Estados Unidos têm 31.883.289 de infecções pelo novo coronavírus, com 569.272 mortes. As hospitalizações somam 2.082.447. O estado com o maior número de novos casos é a Flórida, com 39.054 infectados nos últimos sete dias, seguido do Michigan, com 33.813 e pela Pensilvânia, com 26.799.

Em número de novas mortes, a Califórnia lidera, com 420 óbitos nos últimos sete dias, seguida pela Flórida, com 409, e pelo Texas, com 355.