Estados Unidos têm quase 100 milhões de votos antecipados em eleição

172
Foto: Paula Brewer / freeimages.com

São Paulo – Os norte-americanos vão hoje às urnas para decidir se o atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, ou o ex-vice-presidente Joe Biden deve ocupar a Casa Branca pelos próximos quatro anos. Ao todo, quase 100 milhões de norte-americanos votaram antecipadamente.

Ao menos 99,6 milhões de pessoas já votaram no país, com cerca de 35,7 milhões de votos pessoalmente e 63,9 milhões pelo correio, de acordo com dados do Projeto Eleições dos Estados Unidos, do professor associado da Universidade da Flórida, Michael Mc Donald.

Estados como Colorado, Havaí, Oregon, Washington e Utah realizam eleições rotineiramente pelo Serviço Postal, mas este ano, devido à pandemia do novo coronavírus, mais estados adotaram o modelo. O país possui o maior número de contaminações e de morte por covid-19 no mundo, com 9,2 milhões de casos e 231 mil óbitos.

A expectativa é de que o resultado da eleição demore mais a sair este ano, uma vez que alguns estados só começam a contabilizar os votos enviados pelo correio com o fechamento das urnas presenciais. Trump com frequência critica a votação pelo correio, alegando riscos de fraudes, mesmo sem apresentar evidências.

As pesquisas mais recentes de intenções de voto mostraram Biden na frente de Trump, ainda que por uma margem estreita. Uma nova pesquisa The Wall Street Journal / NBC News mostrou que o apoio a Trump e Biden em um grupo de estados indefinidos permaneceu inalterado nos últimos dias, com poucas evidências do tipo de mudança de última hora em relação a Trump que o ajudou a vencer há quatro anos.