Embraer restabelece sistemas afetados por ataque hacker

Foto divulgação: Embraer

São Paulo – A Embraer restabeleceu a operação de todos os seus sistemas de tecnologia da informação que foram desligados temporariamente, como medida de precaução, em razão do ataque cibernético ocorrido em 30 de novembro.

Segundo a empresa, como resultado da investigação interna conduzida até momento, foi apurado que “certas informações” foram vazadas e que “terceiros que foram afetados pelo incidente”, mas sem dar detalhes do volume de informações e quais parceiros podem ter sido prejudicados.

“A companhia segue investigando as circunstâncias do ataque e a quantidade de informações exfiltradas ou divulgadas, avaliando a existência de impactos sobre seus negócios e terceiros, bem como determinando e tomando as medidas cabíveis”, disse em comunicado enviado à CVM.

A Embraer ainda afirmou que recebeu um pedido de negociação de potenciais pagamentos por parte de hackers, mas que não iniciou qualquer processo de negociação, bem como não realizou quaisquer pagamentos a terceiros supostamente envolvidos.