Eletrobras compra transmissora da CEEE-T por R$ 217,5 milhões

Foto: Alain Schroeder/União Europeia

São Paulo – A Eletrobras, por meio de sua subsidiária CGT Eletrosul, celebrou um contrato de promessa de compra de venda com a Companhia Estadual de Transmissão de Energia Elétrica (CEEE-T), para comprar 49% da participação detida pela empresa na Transmissora Sul Litorânea de Energia (TSLE), por R$ 217,5 milhões. O negócio precisa ser aprovado pelos credores da TSLE.

O contrato de compra e venda definitivo será firmado no prazo de até 30 dias contados da obtenção da anuência dos credores, e a transferência das ações e o pagamento do preço ocorrerão no prazo de até 30 dias, a contar da assinatura.

Com a implementação da operação, a subsidiária, que já detém 51% de participação na TSLE, passará a deter 100% do capital social na sociedade, e promoverá futuramente sua incorporação, no escopo da iniciativa de racionalização das participações societárias da Eletrobras.

No dia 21, a CGT Eletrosul anunciou a compra, por R$ 83,1 milhões, de 49% da participação detida pela CEEE-T na Fronteira Oeste Transmissora de Energia, a FOTE, em Florianópolis (SC), passando a deter 100% das ações do empreendimento.