Economia dos EUA deve encolher 5,6% em 2020, prevê Congresso

182
Foto: Paula Brewer / freeimages.com

São Paulo – O Produto Interno Bruto (PIB) dos Estados Unidos deve recuar 5,6% este ano devido à pandemia do novo coronavírus, e recuperar-se avançando 4,2% no ano que vem, de acordo com relatório do Escritório de Orçamento do Congresso (CBO, na sigla em inglês).

“A pandemia e as medidas de distanciamento social adotadas para contê-la interromperam amplamente a atividade econômica, causando uma onda de perdas de empregos e terminando a maior expansão desde a Segunda Guerra Mundial”, diz o relatório, divulgado ontem.

O CBO estima queda de 11% no segundo trimestre deste ano em base trimestral, e que o número de pessoas empregadas será quase 26 milhões menor que o número no quarto trimestre de 2019.

Por outro lado, a expectativa é de que a economia comece a se recuperar durante o segundo semestre, “à medida que as preocupações com a pandemia diminuem e os governos estaduais e locais aliviem as ordens de permanência em casa, a proibição de reuniões públicas e outras medidas”.

Segundo o CBO, o distanciamento social deve cair cerca de dois terços durante o segundo semestre deste ano e diminuir ainda mais, mas em quantidades menores, até o terceiro trimestre de 2021.