Desdobramento da operação pede a prisão de gerentes do Bradesco

Por Leandro Tavares

São Paulo – O Ministério Público Federal (MPF) solicitou à 7a Vara Federal do Rio de Janeiro determinou a prisão preventiva do empresário Júlio César Pinto de Andrade e a temporária dos gerentes do Bradesco, Tânia Maria Aragão de Souza Fonseca e Robson Luiz Cunha Silva.

Segundo o MPF, todos são suspeitos de participar do esquema de lavagem de dinheiro, investigado no âmbito das operações Eficiência e Câmbio, Desligo, comandado pelos doleiros Vinicius Claret e Cláudio Barbosa, operadores de Sérgio Cabral.

As investigações apontam que Júlio, Tânia e Robson eram peças importantes em sofisticado esquema de lavagem de dinheiro, que funcionava por meio da compensação de cheques do varejo e pagamento de boletos bancários. O esquema desbaratado servia para a geração de reais em espécie que, posteriormente, eram vendidos a empresas que desejavam esfriar recursos.

O MPF afirma que os doleiros captavam cheques recebidos no varejo e os depositavam em contas bancárias de empresas fantasmas. Para abertura e movimentação das contas bancárias, a organização criminosa contava com a participação de gerentes de bancos que descumpriam regras de compliance a fim de permitir a criação das contas de giro.

Tânia e Robson eram gerentes-gerais de agências do Bradesco na Barra da Tijuca e em Vila Isabel, no Rio de Janeiro, e recebiam a documentação das empresas criadas por Júlio e indicavam os locais onde as contas bancárias deveriam ser abertas.

“Os elementos ora reunidos não deixam dúvidas de que as instituições financeiras onde as contas foram abertas, em especial o Banco Bradesco, descumpriram os deveres de compliance, possuindo como consequência direta, além do fomento à lavagem de dinheiro acima demonstrado, a violação à livre concorrência, pois as instituições que dispendem recursos no compliance acabam restringindo seus negócios, sem contar no custo que é dedicado aos setores de conformidade”, dizem os procuradores.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com