Copom mantém Selic em 2% ao ano em decisão unânime

104
Comitê de Política Monetária (Copom). (Foto: Beto Nociti/BCB)

Brasília – O Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central (BC) decidiu manter a taxa básica de juros, a Selic, em 2% ao ano (aa). É a primeira vez que o comitê decide manter a taxa após um ciclo de nove quedas consecutivas iniciado em julho de 2019. A decisão, que foi unânime, ficou em linha com a previsão das 26 instituições financeiras consultadas pela Agência CMA.

Segundo análise da Tendências Consultoria, “a retomada mais vigorosa da atividade, o aumento das preocupações com os rumos fiscais e a intensificação das pressões de preços no atacado são elementos que recomendam cautela na condução da política monetária”.

De acordo com a Tendências, a Selic deve ser mantida nas próximas reuniões, podendo ter alguma alteração somente em 2021. “No cenário básico da Tendências, a taxa de juros não sofre novos ajustes para baixo, com perspectiva de elevação apenas na parte final de 2021”.