Confiança do empresário cai pela quarta vez seguida em abril, diz CNI

Brasília – A confiança do empresário teve queda em abril de 0,7 ponto percentual, passando de 54,4 pontos em março para 53,7 pontos neste mês, enquanto no mesmo período do ano passado, o índice marcava 34,5 pontos. É a quarta queda consecutiva do índice, que já havia registrado quedas de 2,2 pontos em janeiro, de 1,4 ponto em fevereiro e de 5,1 pontos no mês passado. Apesar da queda da confiança de abril, o empresário industrial ainda se mantém confiante, com índices acima dos 50 pontos. Os dados foram divulgados pela Confederação Nacional da Indústria (CNI).

Segundo a CNI, “a queda na confiança na passagem de março para abril foi causada exclusivamente pela avaliação das condições atuais das empresas e da economia brasileira”.

Em relação às expectativas para os próximos seis meses, houve alta passando de 57,2 pontos em março para 58,1 pontos em abril. Em abril do ano passado, a expectativa era de 34,7 pontos.

O ICEI varia de 0 a 100 pontos e valores acima de 50 pontos indicam que os empresários estão confiantes. Quanto mais distante dos 50 pontos, maior e mais disseminada pelo setor é a confiança.

Foram consultadas 1.147 empresas, sendo 450 de pequeno porte, 432 de médio porte e 265 de grande porte no período de 1 a 08 de abril de 2021.