CNPE permitirá parcelamento do bônus em leilão da cessão onerosa

338

Por Wilian Miron

São Paulo – O Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) estabeleceu a possibilidade de parcelamento dos bônus de assinatura no leilão da cessão onerosa.

De acordo com o CNPE, em comunicado, o parcelamento está condicionado à ocorrência de ágio de 5% no leilão, previsto para acontecer em 6 de novembro.

O CNPE disse que o parcelamento é uma medida para aumentar a atratividade do certame e incentivar a participação de empresas.

“O parcelamento do bônus de assinatura deve proporcionar ganhos de liquidez no mercado, ampliando o espectro de negociação das empresas junto àsinstituições financeiras, sem reduzir o valor auferido pelo poder público”.