China não confirma ligação para os EUA para retomar as conversas

Por Cristiana Euclydes

São Paulo – A China não confirmou as ligações para autoridades dos Estados Unidos pedindo a retomada das negociações comerciais entre os dois países, conforme afirmou mais cedo o presidente norte-americano, Donald Trump.

“Eu não ouvi falar das ligações no final de semana mencionadas pelos Estados Unidos”, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Geng Shuang, em coletiva regular de imprensa. “O que posso dizer é que as diferenças entre a China e os Estados Unidos no campo econômico e comercial devem ser resolvidas através do diálogo e da consulta”.

O porta-voz disse ainda que ao aumentar as tarifas sobre as exportações da China para os Estados Unidos, o lado norte-americano violou regras comerciais multilaterais, prejudicou a cadeia global de suprimentos e levou para baixo o crescimento econômico e comercial mundial.

“Não é construtivo prejudicar os outros”, disse ele. “Esperamos que os Estados Unidos possam retornar à racionalidade o mais rápido possível, abandonem as práticas erradas e criem condições para que os dois lados realizem consultas com base no respeito mútuo, igualdade e benefício mútuo”.

Mais cedo, Trump disse que oficias da China telefonaram para autoridades norte-americanas na noite de domingo pedindo para retomar as negociações comerciais. Ele anunciou na sexta-feira que as tarifas a US$ 250 bilhões em produtos chineses aumentarão de 25% para 30%, enquanto os US$ 300 bilhões restantes serão taxados em 15%, em vez de 10%. 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com