China fará parte de iniciativa da Covax, iniciativa da OMS para vacina

152
Foto: Brian Hoskins / freeimages.com

São Paulo – A China participará da Covax, programa coordenado pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e pela Aliança de Vacinas (Gavi) para impulsionar o desenvolvimento e garantir a compra de vacinas contra a covid-19, disse o chefe da OMS, Tedros Adhanom Ghebreyesus.

“Esta semana, a China, República da Coreia e Nauru se juntaram à Covax, elevando o número total de países e economias que fazem parte da iniciativa global para o acesso à vacina para 171”, disse ele em entrevista coletiva.

O governo chinês havia informado mais cedo que o país que comprará vacinas pela Covax para 1% da população, o que corresponde a 15 milhões de pessoas.

A China está desenvolvendo uma série de vacinas contra a covid-19, pelo menos quatro delas estão em estágios clínicos finais.