Canadá se prepara para fornecer apoio fiscal extra às famílias e empresas

164
O primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau / Foto: Governo do Canadá

São Paulo – Enquanto os Estados Unidos buscam entendimento para a liberação de mais uma rodada de estímulos, o Canadá já dá sinais de que pode liberar apoio financeiro para mitigar os efeitos da crise provocada pela pandemia do novo coronavírus.

Mais cedo, o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, disse que seu governo tem espaço fiscal para fornecer apoio para as famílias e empresas canadenses, que enfrentam uma nova ameaça com a segunda onda de covid-19.

“Teremos âncoras fiscais à medida que avançamos”, afirmou ele.

A média de sete e 14 dias de casos confirmados de covid-19 no Canadá atingiu novos picos nos últimos dias. De acordo com dados da Universidade Johns Hopkins, o país tem 218.876 pessoas infectadas pelo novo coronavírus e 9.799 mortes. Nas últimas 24 horas, o número de casos disparou para 2,82 mil, ainda segundo a universidade.