Brasil tem saldo positivo de 168.492 empresas abertas em julho

178

Brasília – O Brasil teve saldo positivo de 168.492 empresas abertas no mês de julho, o número é 9% menor do que o saldo positivo de junho, que era de 185.311. O resultado é fruto da abertura de 250.308 empresas e fechamento de 81.816 empresas. Os dados foram divulgados pelo ministério da economia.

O total de empresas ativas no Brasil em julho é de 18.990.039. Os estados que registraram maiores crescimentos na abertura de novos negócios no país em julho, na comparação com o mês anterior, foram: Alagoas (19,82%), Rio Grande do Norte (12,51%) e Pernambuco (11,72%). O Amapá foi o estado que mais fechou empresas em julho, com o fechamento de 34%.

Entre as atividades da economia, a preparação de documentos e serviços especializados de apoio administrativo (7,52%) e o comércio varejista de artigos do vestuário e acessórios (1,61%), foram os destaques na abertura de empresas na comparação com junho. Entre as atividades que tiveram o maior percentual de fechamento estão o comércio varejista de mercadorias em geral, com predominância de produtos alimentícios como minimercados, mercearias e armazéns (11,81%) e lanchonetes, casas de chá, de sucos e similares (7,08%).

O tempo para abertura de uma empresa no Brasil teve queda de 5,56% em relação a junho, passando para 3 dias em média. O Distrito Federal é a unidade da Federação que possui o menor tempo para abertura de empresas, 23 horas. O estado que apresenta o maior tempo para abertura de uma empresa é a Bahia com 8 dias e 20 horas.