Bolsa fecha em alta com commodities, após 4 sessões seguidas em queda; dólar sobe

164

São Paulo- Após quatro quedas seguidas, a Bolsa fecha em alta sustentada pelas ações ligadas às commodities como Vale (VALE3) e Petrobras (PETR3 PETR4) e nem mesmo os dados de inflação aqui e nos Estados Unidos impediram que o otimismo pairasse no Ibovespa.

As ações da Vale subiram impulsionadas pela alta do minério de ferro na China, após o governo sinalizar que os casos de covi-19 por lá estão arrefecendo. E a Petrobras é beneficiada pela alta do petróleo.

Mais cedo foi divulgado o Indice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do País, que apesar de ser o mais alto para o mês de abril desde 1996 (+1,26%), não fez preço por aqui. A inflação subiu 1,06%, mas desacelerou ante março. Nos Estados Unidos, o índice de preços ao consumidor (CPI, sigla em inglês) avançou 0,3% em abril, mas recuou frente a alta de 1,2% em março.

O principal índice da B3 subiu 1,24%, aos 104.396,90 pontos. O Ibovespa futuro com vencimento em junho avançou 1,09%, aos 105.490 pontos. O giro financeiro foi de R$ 28,9 bilhões. Em Nova York, os índices fecharam em queda.

Segundo Rob Correa, analista CNPI, o Ibovespa segue no otimismo “protagonizado pelas companhias voltadas às commodities” Correa comentou que os dados de inflação nos Estados Unidos e aqui, divulgados mais cedo, mostraram desaceleração. “O que leva o mercado a suscitar a possibilidade de um ajuste dos juros em ritmo mais lento e menos intenso”.

Mais cedo, Lucas Mastromonico, operador de renda variável da B.Side Investimentos, disse que as ações as da Vale, Petrobras e bancos estão puxando o índice na sessão de hoje, mas “não vê nenhuma notícia específica para essa euforia e nenhum motivo de target de melhora”.

Mastromonico ressaltou que o momento é de cautela e deve-se “olhar para boas ações como Petrobras, Val, e bancos porque se a Bolsa se recupera, a melhora vem por bons nomes e com boa liquidez”.

A alta dos bancos é atribuída aos bons resultados divulgados pelo setor e “hoje sai o balanço do Banco do Brasil (BBAS3) e a perspectiva é que venha muito positivo; outro ponto é a alta da taxa de juros é bom para a carteira de crédito dos bancos”. O setor foi o menos caiu este ano. As commodities avançam com a alta do minério de ferro explicada pela redução dos casos de covid-19 no país chinês.

Segundo uma fonte que não quis se identificar, as ações que impulsionam o índice são as de maior peso como Vale, Petrobras e bancos. “A notícia de que algumas cidades chinesas estão demostrando queda da covid-19 ajuda os mercados”. Por enquanto, os dados de inflação nos EUA “não contaminou a Bolsa”.

O dólar comercial fechou em R$ 5,143 para venda, com ganho de 0,17%. O dia foi de muita volatilidade, com a moeda americana se alternando entre os territórios negativo e positivo. De um lado, a expectativa de juros altos nos Estados Unidos seguiu sustentando a moeda. Em contrapartida, a alta das commodities no mercado internacional limitou a reação do dólar.

Commodities em alta significam maior entrada de recursos no país, importante exportador global. Essa elevação internacional foi comandada pelo petróleo, que subiu cerca de 5%, refletindo o menor temor em torno da economia chinesa, após sinais de afrouxamento dos lockdowns naquele país asiático.

Mas inflação nos Estados Unidos, contudo, engrossou o discurso de uma política econômica mais contracionista do Federal Reserve (Fed, o banco central norte-americano).

A alta dos preços para o consumidor norte-americano foi de 0,3% em abril ante março (previsão de 0,2%), enquanto o acumulado de 12 meses atingiu 8,3% ante projeção de 8,1%.

Para o economista da Guide Investimentos, Victor Beyruti, “devemos seguir com bastante volatilidade. Os dados do Indice de Preços ao Consumidor (CPI, na sigla em inglês), mesmo sendo ruins e mostrado disseminação, não irão alterar o quadro”.

Além das notícias positivas vindas da China, o Indice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de abril (+1,06%) reforçou a ideia de que o aumento da Selic (taxa básica de juros) está próximo do fim: “Isso consolida as expectativas de uma última alta, de 0,5%, na reunião de junho do Comitê de Política Monetária (Copom)”, projetou Beyruti.

As taxas dos contratos futuros de Depósitos Interfinanceiros (DI) fecharam em alta nesta quarta-feira (11) após maior IPCA para o mês desde 1996.

O DI para janeiro de 2023 tinha taxa de 13,330% de 13,270% % no ajuste anterior; o DI para janeiro de 2024 projetava taxa de 13,045%, de 12,865%, o DI para janeiro de 2025 ia a 12,445%, de 12,300% antes, e o DI para janeiro de 2027 com taxa de 12,305% de 12,218%, na mesma comparação.

Os principais índices do mercado de ações dos Estados Unidos fecharam a sessão em queda, com a Nasdaq caindo 3%, com os investidores digerindo os dados de inflação divulgados pela manhã, que vieram acima das estimativas.

Confira abaixo a variação e a pontuação dos índices de ações dos Estados Unidos:

Dow Jones: -1,02%, 31.834,11 pontos
Nasdaq Composto: -3,18%, 11.364,2 pontos
S&P 500: -1,65%, 3.935,18 pontos