Biden diz ter pedido a Anthony Fauci para chefiar equipe contra covid-19

158
O diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, Anthony S. Fauci / Foto: Casa Branca

São Paulo — O presidente eleito Joe Biden disse ter pedido ao diretor do Instituto Nacional de Alergia e Doenças Infecciosas dos Estados Unidos, Anthony Fauci, para continuar seu trabalho e servir como seu principal conselheiro médico na equipe para a covid-19 depois que Biden assumir o cargo em 20 de janeiro.

“Pedi a ele que permanecesse exatamente na mesma função que ocupou com os vários presidentes anteriores e pedi a ele que fosse meu conselheiro médico chefe também e fizesse parte da equipe de covid-19”, disse Biden em entrevista à rede de televisão “CNN” ontem à noite.

Segundo o presidente eleito, os dois conversaram sobre o fato de que “você não precisa fechar a economia” se os norte-americanos seguirem outros protocolos de segurança para prevenir a propagação do vírus.

“Apenas mais 100 dias de máscara, não para sempre. Cem dias. E acho que veremos uma redução significativa”, disse Biden, reconhecendo que o coronavírus pode atingir níveis ainda mais intensos quando ele assumir o cargo.