Biden diz que não adotará um novo bloqueio nacional por covid-19

148
O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden / Foto: Campanha Joe Biden

São Paulo – O presidente eleito dos Estados Unidos, Joe Biden, garantiu que não decretará um novo bloqueio nacional apesar do aumento expressivo de casos de covid-19 no país.

“Não vamos fechar o país novamente. É contraproducente, os negócios precisam se manter abertos. E vez disso, vamos combater o vírus com mais vigor”, disse ele durante entrevista coletiva.

Os Estados Unidos têm mais de 11,5 milhões de infectados e mais de 250 mil mortos pela covid-19, de acordo com dados da Universidade Johns Hopkins. O número de casos diários no país tem avançado a uma taxa de mais de 100 mil por dia.

“Se não agirmos agora, as projeções indicam que até fevereiro teremos pelo menos 400 mil mortos pela covid-19 nos Estados Unidos”, afirmou ele.

“Precisamos de união em torno do trabalho de combate à pandemia”, acrescentou.
A declaração de Biden acontece em um momento no qual a administração de Donald Trump se recusa a dar início ao processo de transição por considerar que a vitória do democrata nas eleições presidenciais de 3 novembro aconteceu de maneira irregular e fraudulenta.

Em outras ocasiões, Biden afirmou que esse atraso no processo de transição e no acesso aos documentos da gestão de Trump irá implicar na morte de milhares de norte-americano pela covid-19.