Bayer vai produzir vacina contra covid-19 da CureVac na Alemanha

158
Foto: CureVac

São Paulo – A Bayer vai produzira a vacina contra covid-19 desenvolvida pela CureVac na Alemanha, visando a aumentar a capacidade de produção de doses em meio à incertezas sobre o fornecimento para a União Europeia (UE).

“Após discussões com o governo alemão, tornou-se claro que as atuais capacidades de fabricação de vacinas precisam ser aumentadas, especialmente para variantes potenciais do vírus SARS-CoV-2”, de acordo com o presidente da divisão farmacêutica da Bayer, Stefan Oelrich, em coletiva de imprensa ao lado do ministro da Saúde alemão, Jens Spahn.

“Estamos planejando adicionar mais 160 milhões de doses da vacina CureVac em 2022 para expandir ainda mais sua rede de abastecimento e capacidade geral usando a rede de fabricação da Bayer. O primeiro produto comercial desta expansão pode já estar disponível no final deste ano”, afirmou.

A vacina da CureVac está na última fase de testes clínicos. No início de janeiro, a Bayer anunciou uma parceria com a empresa para apoiar o desenvolvimento da vacina.

A notícia vem em meio a atrasos nas entregas de vacinas à UE, tanto das doses contratadas da Pfizer e BioNTech quanto da AstraZeneca. A BioNTech anunciou hoje que aumentará sua produção para entregar até 75 milhões de doses adicionais à UE no segundo trimestre, além das 300 milhões de doses já previstas em um acordo de compra.

Na semana passada, a UE anunciou um novo regulamento para controlar a exportação de vacinas fabricadas em seu território, como forma de evitar que as empresas com as quais tenha feito acordos de pré-compra mandem doses para outros países antes de direcioná-las para o bloco.