Banco central da Turquia deixa taxa de juros inalterada em 8,25%

215
Foto: freeimages.com

São Paulo – O banco central da Turquia manteve a taxa referencial de juros do país, a das operações de recompra de uma semana, inalterada em 8,25%, citando que a recuperação da economia ante os impactos da pandemia do novo coronavírus já começou.

“Como os acontecimentos relacionados à disseminação do coronavírus enfraqueceram substancialmente o crescimento global no segundo trimestre, as medidas de normalização adotadas por vários países contribuíram para uma recuperação parcial”, diz o BC turco.

Na Turquia, depois de uma desaceleração acentuada em abril, “a recuperação econômica começou a partir de maio, após passos graduais em direção à normalização”. Segundo o banco central, “a recuperação das exportações de mercadorias com a normalização em andamento e os baixos níveis de preços das commodities apoiarão o saldo da conta corrente”.

Com relação aos preços, o BC turco afirmou a que, à medida que o processo de normalização continua, “os efeitos desinflacionários direcionados pela demanda se tornarão mais prevalentes no segundo semestre do ano”. A taxa de inflação subiu de 10,9% em abril em base anual para 11,4% em maio.

Por fim, “o Comitê avalia que a manutenção de um processo de desinflação sustentado é um fator essencial para alcançar menor risco soberano, menores taxas de juros de longo prazo e maior recuperação econômica”. O banco repetiu que “continuará a usar todos os instrumentos disponíveis na busca dos objetivos de estabilidade de preços e estabilidade financeira”.