Azul deve queimar R$ 3 mi de caixa por dia

101
Foto divulgação: Azul Linhas Aéreas

São Paulo – A Azul espera uma queima de caixa de R$ 3 milhões por dia para o restante do ano sem amortização de dívidas, sendo que em maio e junho ela variou entre R$ 3 milhões e R$ 4 milhões. No final do segundo trimestre, a projeção da companhia é de R$ 2 bilhões em liquidez.

No final de junho, a posição de liquidez incluindo caixa e equivalentes, investimentos de curto prazo e contas a receber era de R$ 2,3 bilhões ante R$ 2,2 bilhões no primeiro trimestre de 2020.

Segundo a empresa, as projeções para o restante do ano demonstram uma posição de liquidez robusta o suficiente até o final de 2021, mesmo sem um aumento de capital, principalmente devido ao progresso em suas negociações com tripulantes, bancos e arrendadores, além da recuperação mais rápida do que antecipada da capacidade e demanda.

Porém, como a visibilidade sobre a recuperação da demanda ainda é incerta, a Azul tem a intenção de captar recursos em um momento oportuno para aumentar seu colchão de liquidez.