Atividade industrial desacelera em abril ante março, diz CNI

Brasília – A atividade industrial desacelerou em abril na comparação com março, comportamento esperado para esse período do ano. Ainda assim, manteve-se acima do registrado em anos anteriores. A evolução da produção caiu de 50,5 pontos em março para 46 pontos em abril. As informações foram divulgadas pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Com o a queda, o indicador ficou abaixo da linha divisória de 50 pontos, o que indica que a produção caiu em relação ao mês anterior.

A Utilização da Capacidade Instalada (UCI) se manteve em 68 pontos em abril na comparação com março e em relação a abril do ano passado teve aumento de 19 pontos, quando era de 49 pontos. A UCI efetiva em relação ao usual passou de 44,9 pontos em março para 43,6 pontos em abril. Em abril do ano passado estava em 23,9 pontos.

Já o índice que mede a evolução do nível de empregados teve pequena queda passando de 50,1 pontos para 50 pontos na comparação mensal. Em abril do ano passado o indicador estava em 38,2 pontos.

Em relação às expectativas da indústria para maio, a expectativa para demanda passou de 35,1 pontos em maio de 2020 para 58,7 pontos em maio de 2021. A expectativa para a quantidade exportada passou de 33,4 pontos no ano passado para 54,8 pontos este ano, para compra de matérias primas de 34,7 pontos para 56,4 pontos e para o número de empregados de 38,1 pontos para 52,5 pontos. Para a intenção de investimento, a expectativa para janeiro passou de 39,6 pontos em 2020 para 55,8 pontos em 2021.