As pessoas estão se cansando da pandemia, diz chefe da OMS

161
Bandeira com o símbolo da Organização Mundial da Saúde (OMS). (Foto: Missão dos EUA/Eric Bridiers)

São Paulo – O chefe da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, disse que as pessoas estão se cansando da pandemia do novo coronavírus e reforçou o apelo de que sigam vigilantes e tomem precauções até que uma vacina esteja disponível.

“Podemos estar cansados ​​da covid-19, mas ela não está cansada de nós. Ovírus não mudou significativamente, nem as medidas para impedi-lo”, disse ele ao Fórum de Paz de Paris.

Ele lembrou que os países europeus estão enfrentando uma batalha neste momento, readotando medidas de bloqueio para tentar conter a segunda onda de covid-19 que atinge os países da região.

Sobre as vacinas, Ghebreyesus afirmou que é arriscado confiar em vacinas promissoras, mas ainda não comprovadas.

“Uma vacina é necessária com urgência, mas não podemos esperar por uma vacina e colocar todos os nossos ovos na mesma cesta”, disse ele, repetindo o apelo para que qualquer vacina contra a covid-19 seja compartilhada de forma justa com os países pobres.

A declaração acontece depois que, na segunda-feira, a norte-americana Pfizer e a alemã BioNTech informaram que sua candidata a vacina contra a covid-19 tem eficácia superior a 90%.