Acordo comercial entre EUA e China está perto de ser fechado, diz Trump

Por Carolina Gama

São Paulo – O presidente norte-americano, Donald Trump, disse que a primeira fase de um acordo comercial entre Estados Unidos e a China está perto de ser fechada, mas não forneceu prazos ou o local da assinatura do pacto parcial.

Presidente chinês, Xi Jinping, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump /Foto: Divulgação/Casa Branca

“A China está morrendo por um acordo, mas são os Estados Unidos que decidirão se querem um acordo ou não. Só assinaremos um pacto que favoreça nossas empresas e nossos trabalhadores”, disse Trump. “Estou satisfeito com os bilhões de dólares que entraram nos nossos cofres via tarifas”, acrescentou.

Falando no Clube Econômico de Nova York, o presidente norte-americano afirmou que se não houver acordo, as tarifas aos importados chineses voltarão a subir. A declaração acontece em um momento no qual Pequim pressiona para que Washington suspenda parte das sobretaxas impostas aos seus bens como condição para que haja um pacto.

Neste contexto, Trump disse que foi obrigado a adotar medidas mais duras contra a China para corrigir falhas de gestões anteriores, que provocaram déficits enormes. “Não culpo a China pelas vantagens que obteve até agora em relação aos Estados Unidos no comércio. Nossas gestões permitiram isso e não falo apenas do governo de Barack Obama”, afirmou.

Trump lembrou que o acordo comercial entre Estados Unidos e China chegou a ser firmado, mas os chineses desistiram na última hora. “O acordo estava pronto, os pontos mais difíceis tinham sido negociados. Semanas antes da assinatura, a China disse que não poderia aceitar alguns itens desse pacto”, disse.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com