Ações da Gol sobem quase 5% após aquisição da MAP

Foto divulgação: Gol Linhas Aéreas

São Paulo, 9 de junho de 2021 – As ações da Gol mostram a maior alta do Ibovespa nesta manhã depois que a companhia aérea anunciou a aquisição da MAP Transportes Aéreos, que tem rotas para destinos regionais e do aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Segundo analistas, embora pequena, a operação é positiva e demonstra a confiança da Gol na recuperação econômica.

Às 12h11 (horário de Brasília), as ações da empresa (GOLL4) tinham alta de 4,77%, a R$ 28,52.

A aquisição prevê o pagamento de R$ 28 milhões (composto por 100.000 ações GOLL4 a R$ 28 por ação) e R$ 25 milhões em dinheiro a serem pagos em 24 parcelas mensais. No fechamento da operação, a Gol também assumirá até R$ 100 milhões de dívidas da MAP.

“Apesar de pequeno (o preço pago pela MAP representa 0,3% do valor de mercado da Gol e a dívida assumida representa 0,7% da dívida líquida do primeiro trimestre da Gol), acreditamos que o acordo não era totalmente esperado pelos investidores. Além disso, está em linha com a tendência de consolidação esperada para a indústria à medida que as empresas começam a vislumbrar o fim da pandemia com o avanço de campanhas de vacinação”, disseram os analistas do BTG Pactual, em relatório.

Os analistas lembram que a Gol já se expandiu por aquisições no passado, através da aquisição da Varig em 2007 e da Webjet em 2011. Também destacam que a compra amplia a malha aérea da Gol e aumenta a sua exposição à aviação regional, que tem perspectivas mais fortes de crescimento do que mercados desenvolvidos.

“Com isso, acreditamos que a aquisição da MAP demonstra a confiança da Gol na recuperação do tráfego aéreo”, reiteraram.

Os analistas da Genial Investimentos também citam que, embora seja uma operação muito pequena, a Gol consegue aumentar sua presença no principal aeroporto do País (Congonhas) e ampliar a quantidade de rotas oferecidas a partir desse aeroporto.