Ações da Eletrobras caem mais de 4% com possível desistência de capitalização

289

Por Danielle Fonseca

São Paulo – As ações da Eletrobras caem mais de 4% e registram a maior queda do Ibovespa hoje após uma notícia do jornal “Folha de S.Paulo” afirmar que o governo enterrou de vez os planos de injetar R$ 3,5 bilhões na estatal para torná-la mais atraente para investidores privados.

O governo teria decido adotar uma estratégia de corpo a corpo com parlamentares em uma ofensiva para angariar apoio ao projeto de lei que abrirá caminho para a privatização da elétrica.

Segundo o jornal, nas últimas semanas, o ministro Bento Albuquerque (Minas e Energia) fez reuniões com partidos como PSL, Novo, DEM, PP, PL e MDB para apresentar a nova proposta de aumento de capital da estatal que deve ser enviada ao Congresso via projeto de lei.

Às 15h20 (horário de Brasília), as ações ordinárias da Eletrobras (ELET3) caíam 5,12%, a R$ 36,88, enquanto as preferenciais (ELET6) recuavam 4,73%, a R$ 39,06.