Ações da Cogna recuam após J.P. Morgan reduzir recomendação para venda

127

São Paulo – As ações da Cogna mostram as maiores quedas do Ibovespa hoje depois que o banco J.P. Morgan reduziu a sua recomendação de “neutral” (equivalente à manutenção) para “underweight” (equivalente à venda). O preço-alvo foi reduzido de R$ 6,00 para R$ 5,00, o que representa um potencial de queda de 7,40% sobre o fechamento da última sexta-feira.

Às 13h32 (horário de Brasília), os papéis da companhia (COGN3) tinham queda de 2,77%, a R$ 5,24.

O banco se mostra mais cauteloso em relação à empresa principalmente diante de um cenário difícil para o ensino presencial, que representa 41% da receita da Cogna em 2020 e deve continuar a apresentar desempenho inferior aos pares durante o segundo semestre. O J.P.Morgan ainda destacou a elevada alavancagem da companhia.