Ações da BR Distribuidora disparam com mudança na presidência

Foto: Divulgação/Petrobras

São Paulo – As ações da BR Distribuidora registram forte alta hoje com o anúncio de que Wilson Ferreira Júnior, que renunciou à presidência da Eletrobras, assumirá o cargo de presidente no lugar de Rafael Salvador Grisolia.

Segundo a companhia, Grisolia ficará no cargo até o dia 31 de janeiro, depois de ter assumido a posição em 2019. Grisolia havia ingressado na BR Distribuidora em 2017 como diretor executivo financeiro e de relações com investidores para a condução do oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês) da empresa.

Às 14h37 (horário de Brasília), os papeis (BRDT3) registravam alta de 11,48%, a R$ 23,30, e chegaram a subir 14% na manhã desta terça-feira.

Na avaliação do BTG Pactual, Ferreira Júnior traz uma excelente reputação e sucesso que deve compensar a surpresa causada pelo anúncio da mudança.

Os analistas também destacam que a notícia pode abrir caminho para a Petrobras vender os 37,5% de participação que possui na BR Distribuidora.

“Sim, o momento da venda das ações da Petrobras é decisão exclusiva dela e depende de “preços e condições de mercado”, mas sentimos que a chegada do Sr. Ferreira a BR Distribuidora poderia fornecer exatamente isso: um sentimento positivo em relação a história de recuperação da empresa, ou pelo menos que seu histórico comprovado no setor de energia poderia desencadear aspirações de crescimento novas e mais ambiciosas, o que poderia significar uma plataforma de energia mais diversificada”, disseram.

Os analistas também destacam que a BR pode se transformar mais em um negócio de energia em crescimento, com conveniência e plataformas de pagamento digital como vantagens.