Ações da B2W saltam mais de 6% após Itaú BBA elevar recomendação

Por Danielle Fonseca

São Paulo – As ações da B2W mostram a maior valorização do Ibovespa depois que o Itaú BBA elevou a recomendação dos papéis para “outperform” (equivalente à compra). O preço-alvo para 2020 também foi elevado, para R$ 57,00, ante preço-alvo de R$ 45,00 em 2019. Às 15h25 (horário de Brasília), as ações da B2W (BTOW3) avançavam 6,76%, a R$ 52,43.

Para os analistas do Itaú, a B2W foi uma surpresa positiva recentemente, já que adicionou um número expressivo de vendedores a sua plataforma e reportou expansão de margem, além de mostrar melhores tendências de geração de caixa.

“A companhia também tem uma posição de endividamento mais confortável depois do seu aumento de capital, que irá permitir que alcance uma solução logística com maior penetração para vendedores, levando ao desenvolvimento da plataforma marketplace e melhor do nível de serviço ao cliente”, disseram, em relatório.

Outro ponto positivo citado foi a iniciativa da criação da fintech Ame Digital, que já mostra sinais de ganho de tração, com grande número de downloads e expansão. 

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com