Ação da Locaweb sobe mais de 5%; BTG reitera compra por projeções positivas

São Paulo – O papel da Locaweb (LWSA3) chegou a liderar as altas do Ibovespa, avançando mais de 5%, ao lado de outras empresas de tecnologia e fechou o pregão com ganho de 4,84%, a R$ 13,85.

O BTG Pactual reiterou a recomendação de compra da ação da Locaweb apesar da queda recente de quase 40%, por considerar a avaliação atrativa, com estimativas de alcançar, em 2022, R$ 1,15 bilhão em receitas e de R$ 230 milhões em ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização), com margem de 20% e ser negociada a um múltiplo de 5 vezes vendas, além de capitalizada em R$ 1,8 bilhão para atuar na consolidação do setor de tecnologia.

“A Locaweb está negociando no mesmo patamar (ou mesmo abaixo) empresas de software que crescem uma fração dela. Além disso, a discrepância entre sua avaliação e a de outras empresas de software é muito grande”, informou o BTG Pactual, em relatório.

A análise atribuiu a queda das ações desde que a empresa divulgou seus resultados do 3T21, devido à queda de lucratividade que os investidores não esperavam e que pode ser explicado pela baixa margem de lucro consolidada da companhia desde seu oferta pública inicial de ações (IPO, na sigla em inglês), quando a empresa passou a realizar fusões e aquisições, e as empresas incorporadas representam cerca da metade de suas receitas comerciais.

“Essas empresas, naturalmente, têm estágios diferentes de maturidade (a maioria delas têm margens próximas de zero, ou até negativas), o que impacta na margem consolidada. No entanto, essas aquisições devem melhorar seu ecossistema de alguma forma, e entendemos que, a fim de extrair o máximo valor das fusões e aquisições, agora não é a hora de pisar no freio do crescimento para aumentar as margens”, avaliam os analistas do banco.

Ainda segundo a análise, excluindo as fusões e aquisições, a margem ebitda de comércio da Locaweb caiu para 35,1% no 3T21, o que os analistas consideram um bom nível para uma empresa que relatou um crescimento de vendas brutas de mercadoria de 44% no trimestre, em base de comparação anual.