Ação da Americanas cai 6% em dia de estreia de novo ticker

São Paulo – As ações das Lojas Americanas e da Americanas mostram volatilidade e registram fortes em dia de estreia dos papéis AMER3, que antes eram negociados com o ticker BTOW3 e o nome B2W. Os papéis da Lojas Americanas (LAME3 e LAME4) permanecem sendo negociados, com a empresa sendo a holding das Americanas.

Às 12h23 (horário de Brasília) as ações mais negociadas das Lojas Americanas (LAME4) caíam 5,98%, negociadas a R$ 8,15. Os papéis chegaram a entrar em leilão devido a sua oscilação. Já as ações da Americanas (AMER3) recuavam 6,27%, a R$ 63,73, liderando as perdas do Ibovespa.

Para a XP Investimentos, esse movimento de queda as ações é refletido pela mudança no ticker da B2W e tem a ver com a cisão parcial do capital social da Lojas Americanas e transferência para a B2W, que agora é Americanas.

“As ações de Lojas Americanas permanecerão listadas na bolsa, mas passarão a representar uma participação de 38,9% na nova companhia (AMER3)”, disseram os analistas da XP.

ENTENDA A CISÃO

A Lojas Americanas e a B2W aprovaram, em assembleias gerais extraordinárias realizadas no dia 10 de junho, a cisão parcial do capital social da Lojas Americanas e transferência para a B2W.

As atividades operacionais das companhias passarão a ser desenvolvidas diretamente pela B2W, que passará a adotar a denominação Americanas S.A. e o código de negociação na B3 será modificado para AMER3, nos termos definidos pelo protocolo e justificação firmado pelos administradores das companhias em 28 de abril.

O capital social da Lojas Americanas será reduzido em montante equivalente ao acervo cindido sem o cancelamento de ações.