UE e EUA retomarão negociação sobre gás natural em 20 de agosto

09/08/2018 13:36:12

Por: Gustavo Nicoletta / Agência CMA (g.nicoletta@cma.com.br)

São Paulo – A União Europeia (UE) enviará representantes do bloco aos Estados Unidos em 20 de agosto para dar andamento às negociações que permitirão aos europeus aumentar a importação de gás natural liquefeito produzido pelos norte-americanos.

Atualmente, a legislação dos Estados Unidos exige que haja aprovação regulatória do país para que seja exportado gás natural para a Europa. Segundo a UE, estas restrições precisam ser alteradas de forma a facilitar as
vendas do combustível para o bloco.

Em 25 de julho, o presidente da Comissão Europeia, Jean Claude Juncker, e o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciaram um entendimento para que os europeus passassem a importar mais gás natural liquefeito dos Estados Unidos. A reunião de 20 de agosto tem como objetivo avançar neste sentido.

A UE afirma que vai importar mais gás natural dos Estados Unidos se o preço do combustível que chegar ao bloco for competitivo. Além disso, também seria necessário que os norte-americanos aumentassem a capacidade de liquefação de gás natural.

Os europeus dizem possuir capacidade para receber 150 bilhões de metros cúbicos de gás natural a mais por ano do que recebem hoje e afirmam estar expandindo esse volume com novas instalações no mar Adriático, no Mar
Báltico, e no Mar Mediterrâneo.

Os Estados Unidos possuem infraestrutura para liquefazer 28 bilhões de metros cúbicos por ano e devem aumentar este número em 80 bilhões de metros cúbicos até 2023, segundo a UE.

Deixar um comentário