Trump recebe esposa de Guaidó e diz que Rússia deve deixar Venezuela

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e Fabiana Rosales, esposa de Juan Guaidó, líder da oposição na Venezuela. Foto: Divulgação/Casa Branca.

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, recebeu na Casa Branca Fabiana Rosales, a esposa do líder da oposição na Venezuela, Juan Gauidó, e disse que a Rússia tem que sair do país latino-americano.

Trump disse a repórteres que os problemas na Venezuela são enormes, mas muitos progressos têm sido feitos, devido ao trabalho de Guaidó. “Estamos com você 100%”, disse Trump à Rosales, acrescentando que a Venezuela tem um potencial enorme, que só poderá ser completo numa democracia.

O presidente norte-americano criticou ainda a atuação da Rússia na Venezuela. “A Rússia tem que sair”. Ele não deu mais detalhes sobre o
assunto, e repetiu que “todas as opções estão abertas”.

Além disso, Trump disse que o Nicolás Maduro está sob bastante pressão agora. “Eles não tem dinheiro, não tem petróleo, não tem eletricidade. Além de militarmente, eles não podem ter mais pressão do que tem agora”, disse ele, criticando Maduro por se recusar a receber ajuda humanitária.

Em janeiro, Guaidó se autoproclamou presidente interino do país e foi reconhecido imediatamente pelos Estados Unidos e seus aliados. Por outro lado, a Rússia, a China e outros países continuam a reconhecer o presidente venezuelano Nicolás Maduro como o líder legítimo do país.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com