Trump minimiza testes com mísseis da Coreia do Norte

Por Carolina Gama

São Paulo – O presidente norte-americano, Donald Trump, voltou a afirmar que o recente lançamento de mísseis pela Coreia do Norte não representou uma violação dos acordos firmados entre Washington e Pyongyang, reforçando sua confiança no líder norte-coreano Kim Jong Un.

Kim Jong Un (o segundo da dir. para esq.) examina equipamento nuclear (Divulgação/KCNA)

“Kim Jong Un e Coreia do Norte testaram três mísseis de curto alcance nos últimos dias. Estes testes de mísseis não são uma violação do nosso contrato assinado em Singapura, nem houve discussão de mísseis de curto alcance quando apertamos as mãos”, disse Trump no Twitter.

Segundo ele, os testes com os mísseis de curto alcance podem representar uma violação para a Organização das Nações Unidas (ONU).

“Kim não quer me decepcionar com uma violação de confiança, há muito para a Coreia do Norte ganhar – o potencial como um país, sob a liderança de Kim Jong Un, é ilimitado. Além disso, há muito a perder”, acrescentou.

Trump disse ainda que pode trabalhar em conjunto com Kim para desenvolver os potenciais da Coreia do Norte.

“Eu posso estar errado, mas acredito que Kim tem uma ótima e bela visão para seu país, e somente os Estados Unidos, comigo como presidente, podem realizar essa visão. Ele fará a coisa certa porque é inteligente demais para não fazê-lo e não quer desapontar seu amigo, o presidente Trump”, completou.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com