Trump diz que vai se encontrar com Putin em reunião do G-20

Por Carolina Pulice

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump. Foto: Gage Skidmore/ Flickr

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que vai se encontrar com o presidente da Rússia, Vladimir Putin, durante o encontro do G-20 (vinte maiores potências mundiais) em Osaka, entre os dias 28 e 29 de junho.

“Eu vou me encontrar com Putin no G-20, vou me encontrar com o presidente chinês Xi Jinping e com vários outros líderes”, afirmou em coletiva de imprensa em Washington, junto com o presidente polonês, Andrzej Duda . Trump não fez mais comentários sobre a Rússia, mas voltou a afirmar que espera realizar um acordo com a China. A imprensa noticiou ontem que Trump espera se encontrar com Jinping no fim de junho, para retomar as negociações comerciais.

“Esperamos ter um encontro com o presidente Xi. As tarifas estão sendo bem fortes. Uma grande quantidade de dinheiro para nosso Tesouro. As pessoas não estão sendo afetadas, porque a China está subsidiando. Acho que vamos fazer um acordo com a China, e eles não vão causar mais problemas com a gente”, disse.

Em encontro bilateral com Duda, Trump ainda anunciou o envio de tropas militares para a Polônia, que seriam deslocadas da Alemanha. Segundo ele, o país polonês tem respeitado mais os compromissos com a Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan) do que a Alemanha. Trump tem criticado a Alemanha pela não contribuição com a Organização, indicando que o país oferece bem menos do que poderia diante do tamanho de seu Produto Interno Bruto (PIB).

“Estamos falando de 2 mil tropas, mas não vai haver tropas adicionais, eles vão se realocados. A Alemanha não está fazendo o que prometeu à Otan, mas a Polônia está”, disse.