Trump anuncia aplicação de tarifa de 10% sobre US$ 300 bi em produtos da China

Por Carolina Pulice

Foto: futureatlas.com/Flickr

São Paulo – O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, afirmou que vai iniciar, a partir do dia 1 de setembro, a aplicação de tarifas de 10% sobre os US$ 300 bilhões em produtos remanescentes importados da China, dias após representantes comerciais norte-americanos terem viajado a Xangai para retomar as negociações comerciais.

“As conversas comerciais continuam, e durante elas os Estados Unidos vão começar, no dia 1 de setembro, a aplicar uma pequena tarifa de 10% nos US$ 300 bilhões de produtos importados da China remanescentes”, afirmou em seu Twitter.

De acordo com o presidente norte-americano, as tarifas serão aplicadas sobre os produtos que ainda não estavam tarifados, “Isso não inclui os US$ 250 bilhões já tarifados em 25%”, disse. Ele ainda disse que a decisão faz parte de uma retaliação ao fato de a China não ter cumprido com algumas promessas feitas durante as negociações.

“Mais recentemente, a China concordou em comprar produtos agrícolas dos Estados unidos em grande quantidade, mas não fez isso. Além disso, meu amigo presidente Xi [Jinping] disse que pararia de vender Fentanyl para os Estados Unidos – isso nunca aconteceu, e muitos norte-americanos continuam morrendo”, completou.

Trump relembrou que as negociações desta semana foram “construtivas”, e que esperam continuar um diálogo positivo com o país em um acordo comercial compreensível, “sentindo que o futuro entre os dois países vai ser ótimo”.

“Nossos representantes comerciais acabaram de voltar da China onde tiveram um diálogo construtivo em relação ao acordo comercial. Pensamos tem um acordo com a China há três meses, mas, infelizmente, a China decidiu renegociar o acordo no lugar de assiná-lo”, disse.

WP Facebook Auto Publish Powered By : XYZScripts.com